Oradores

Alexandra Souza

ESCOLA CIÊNCIA VIVA - PAVILHÃO DO CONHECIMENTO

Alexandra Souza nasceu em Lisboa em 1967. Tirou o Bacharelato em Educação de Infância em 1987 e Licenciou-se em Ensino Básico do 1.º Ciclo pela Universidade do Minho, em 2000. Em 2002, nessa mesma instituição terminou uma Pós-Graduação em Estudos da Criança, Área de Especialização em Desenvolvimento Pessoal e Social. Em 2015, na Escola Superior de Educação de Lisboa concluiu uma Pós-graduação em Educação Matemática.
Iniciou a sua atividade profissional como docente em 1987. Desde 2013/2014 que desempenha as funções de Coordenadora da Escola Ciência Viva, do Pavilhão do Conhecimento, em Lisboa. 

Ana Amorim

MARE - FACULDADE DE CIÊNCIAS DA UNIVERSIDADE DE LISBOA

Ana Amorim é investigadora do MARE (Centro de Ciências do Mar e do Ambiente) e Professora Auxiliar no Departamento de Biologia Vegetal da Faculdade Ciências da Universidade Lisboa. Nos últimos 20 anos tem desenvolvido os seus trabalhos no estudo de espécies de microalgas marinhas nocivas com impacto na exploração de recursos marinhos, no turismo costeiro e em saúde pública.
Tem participado em vários projetos de investigação nacionais e europeus. Coordenou dois projetos EEA Grants em literacia dos Oceanos, “Olhó Peixe Fresquinho” e “MARE vai à Escola. É curadora de uma coleção de culturas de microalgas com fins didáticos e científicos na UL. 

Carlos Antunes

AQUAMUSEU DO RIO MINHO

Carlos Antunes, biólogo, doutorado pelo Instituto Ciências Biomédicas Abel Salazar - UP (1995) e membro do Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental (CIIMAR). Diretor do Aquamuseu do Rio Minho, projeto que promoveu junto do Município de Vila Nova de Cerveira a partir de 1991 e que abriu ao público em 2005.

Conceição Colaço

CENTRO DE ECOLOGIA APLICADA BAETA NEVES

Engenheira Florestal de formação de base, doutorada em educação pela Universidade de Santiago de Compostela, com o Diploma de Estudos Avançados em Educação ambiental pela mesma universidade. Na área da educação ambiental coordenou o Manual de educação ambiental para as florestas da Autoridade Florestal Nacional (ICNF), co-autora do Manual “Florestas de Cabo Verde: um bem a proteger” editado pela FAO/ONU, e de outras edições para o público em geral. Coordena desde o ano 2000 o programa de educação ambiental do CEABN/ISA dedicado ao mundo rural e à conservação da natureza. Coordenadora da participação portuguesa no projecto europeu PAWS-MED: trabalho pedagógico nas florestas do mediterrâneo.

Conceição Semedo

ESCOLA EB 2,3 DR. PEDRO BARBOSA 

Maria da Conceição Semedo Ribeiro nasceu em Lisboa, a 29 de Julho de 1965. Passou a sua infância e adolescência em Portalegre, onde completou o Ensino Secundário. Estudou Geologia (Ramo Educacional) na Faculdade de Ciências de Lisboa e fez Mestrado em Organizações Educativas e Administração Escolar na Universidade do Minho. Iniciou a sua carreira profissional, como professora do grupo disciplinar Biologia e Geologia em 1990. Vive e trabalha em Viana do Castelo desde 1994, pertencendo ao quadro docente da Escola Básica 2,3 Dr. Pedro Barbosa desde 1990.
Ao longo da sua carreira docente desempenhou os cargos de Monitora de Didáctica das Ciências e Metodologia da Biologia na Faculdade de Ciências de Lisboa, Delegada/Representante do grupo disciplinar 520; Vice-Presidente da Comissão Executiva Instaladora do Agrupamento de Escolas de Darque; Coordenadora do Departamento de Matemática e Ciências Experimentais; Diretora de Turma; Diretora de Instalações; Coordenadora de alguns trabalhos/projetos escolares relacionados com as Ciências Experimentais no âmbito de “Ciência Viva” e “Eco-escolas”. Colabora com o CMIA desde 2008.

Denise Lemke Carletto

UNIVERSIDADE UNIVILLE

Possui Graduação em Pedagogia. Especialização em Interdisciplinaridade na Formação de Professores. Mestrado em Saúde e Meio Ambiente. Doutorado em Educação, na Linha de Pesquisa Práticas Docentes e Formação Profissional. Membro do Grupo de Pesquisa “Educação, Estudos Ambientais e Sociedade”, da UNIVALI, e do Grupo de Pesquisa “Produção do Conhecimento e Sensibilização Ambiental”, da Univille. Tem experiência profissional em projetos e programas de Educação Ambiental e atuação em pesquisas qualitativas voltadas para aspectos socioambientais, éticos, estéticos e histórico-culturais. 

Emanuel da Silva Monteiro

LIPOR

Início do percurso profissional em 2003, na Junta de Freguesia de Santo Ildefonso – Porto, onde desempenhou funções de Técnico Superior de Educação Social. Em 2005, integrou o Departamento de Educação, Comunicação e Relações Internacionais da LIPOR, onde até setembro de 2016 desempenhou funções de Técnico de Educação Ambiental. Na atualidade é Gestor da Unidade de Educação e Formação Ambiental da LIPOR e Gestor de Projetos Estratégicos na Organização, reconhecidos pelo envolvimento com a comunidade, bem como pelas suas características inovadoras. Desempenha igualmente funções de formador da Academia LIPOR, onde dinamiza cursos de formação na área da Educação Ambiental e da Gestão de Resíduos. Por fim, é responsável pelo planeamento, desenvolvimento e operacionalização de campanhas de Recolha Seletiva e Projetos de Educação e Intervenção Ambiental.Em 2004, concluiu a Licenciatura em Educação Social pela Escola Superior de Educação Paula Frassinetti , tendo desde essa data complementado o seu percurso académico com formação especifica de Gestão de Projetos e Gestão para Técnicos Superiores na EGP – University of Porto Business School, bem como em Lean Project Management pelo Instituto Kaizen e Metodologia TEDOC – Innovation Overview for Executive, pela Accelper.

Isabel Leirós

FACTORY ACADEMY

Isabel Leirós é gestora de formação no Factory Academy, escola certificada e especializada em marketing digital do Factory Braga (business center & cowork). Iniciou a sua carreira em projectos de desenvolvimento humano e valorização de culturas organizacionais. Comunicadora por defeito, assina ainda um programa na Rádio Universitária do Minho e produz conteúdo para dois portais culturais. É formada em Gestão de Recursos Humanos, com especialização em Sociologia Organizacional."

Jaime Prata

ESTAÇÃO LITORAL DA AGUDA

Licenciado em Ciências do Meio Aquático pelo Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto, tem desenvolvido a sua atividade profissional em várias vertentes nas quais se incluem a aquacultura, a Biologia e Ecologia marinhas e fluviais e a Geomorfologia costeira.Obteve no ano 2000 o grau de Mestre em Engenharia do Ambiente pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP) com a tese intitulada “Concepção, Construção, Implantação e Monitorização de um Sistema Piloto de Recifes Artificiais” com a classificação de Muito Bom. Em 2009 obteve o grau de Doutor em Ciências da Engenharia também pela FEUP com a tese intitulada “Impactos e Colonização Biológica de uma Estrutura de Defesa Costeira - O Quebramar da Aguda”, aprovada por unanimidade do júri.Com um percurso profissional variado que alberga actividade docente, formativa, técnica e científica em várias áreas, está ligado desde o início à Estação Litoral da Aguda onde desempenha as funções de Coordenador do Departamento  de Educação e Investigação.

Jorge Miguel Reis

NÚCLEO REGIONAL DA QUERCUS DE VIANA DO CASTELO

Jorge Miguel Esteves Temporão Reis, nascido a 21/12/1989, natural da freguesia de Longos Vales, concelho de Monção. Mestre em Engenharia do Ambiente, formado na Universidade de Aveiro no ano de 2013. Técnico da Quercus, Associação Nacional de Conservação da Natureza, desde setembro de 2016, assume a dinamização das atividades e projetos do Núcleo de Viana do Castelo da Quercus e representa a Quercus na Estrutura Local de Apoio ao Parque Peneda Gerês.
Ligado ao mundo associativo desde os 16 anos de idade, integrando associações de âmbito diferentes desde associações escolares a associações juvenis, na atualidade preside a direção da Associação Desportiva e Cultural dos Jovens de Longos Vales, preside também o Núcleo Regional de Viana do Castelo da Quercus e é elemento da Direção Nacional da Quercus. No âmbito do Desporto, salientar a representação da Seleção Nacional de Juniores de Pesca à Pluma por três vezes e no presente ano a Seleção Nacional de Seniores de Pesca à Pluma.

Leonor Cruz

CMIA - VIANA DO CASTELO

Leonor Cruz, Licenciada em Eng.ª Ambiental e dos Recursos Naturais pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto
Douro com Mestrado em Qualidade Ambiental pela Universidade do Minho. Desde 2007, desempenha funções na Câmara Municipal de Viana do Castelo como coordenadora do Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental e desde 2014 como coordenadora do Centro de Mar.

Liliana Vasconcelos

CMIA - VIANA DO CASTELO

Liliana Vasconcelos, Licenciada em Eng.ª do Ambiente e dos Recursos Rurais, com mestrado em “Gestão Ambiental e Ordenamento do Território” pelo Instituto Politécnico de Viana do Castelo.

Margarida Filipe Ramos

MUSEU DA ÁGUA - EPAL

Mestre em Educação Artística pela Faculdade de Belas Artes de Lisboa e licenciada em Relações Públicas e Publicidade pelo Instituto de Novas profissões ingressou em 1998 nos quadros da EPAL, S.A. onde desempenhou várias funções no gabinete de Imagem e Comunicação. Desde 2001 desempenha funções no Museu da Água da EPAL em Lisboa nas áreas da comunicação e da educação ambiental. A sua tese “Bem público, Valor público – A Educação para os valores ambientais no Museu da Água da EPAL” foi agraciada com o Prémio Especial “Melhor Obra Original” na área do ambiente, atribuído pela Sociedade Ponto Verde no âmbito da edição 2012 dos Green Project Awards, tendo obtido também uma menção honrosa nos Prémios APOM 2012 na categoria de “Melhor Estudo sobre Museologia”. 

Marta Correia

CIIMAR

Licenciada em Biologia Marinha e Pescas pela Universidade do Algarve em 2006. Trabalha desde 2006 em áreas ligadas à divulgação científica e comunicação de Ciência, tendo já desenvolvido trabalho no Centro de Ciência Viva do Algarve. Atualmente trabalha no CIIMAR, em projetos de divulgação científica, como os projetos “O CIIMAR na Escola” e “OceanLab”, especialmente ligados à comunidade escolar e vocacionados para o aumento da Literacia científica e em particular da Literacia do Oceano, promovendo a curiosidade dos jovens pelas ciências marinhas e ambientais e pelo ensino experimental. 

Pedro Gomes

UNIVERSIDADE DO MINHO

Licenciado em Biologia pela Univ. do Porto. Doutor em Ciências pela Univ. do Minho. Domínio de investigação: Ecologia, com particular interesse na zona costeira, incluindo sistemas dunares, estuários e zona costeira emersa e imersa. Nos últimos anos tem coordenado um conjunto de projetos relacionados com o levantamento dos recursos biológicos marinhos do concelho de Viana do Castelo, em colaboração com o CMIA de Viana do Castelo. Envolvimento forte em atividades de extensão, incluindo formação e professores e educação ambiental (escolas e público em geral).

Ricardo Carvalhido

NÚCLEO REGIONAL DA QUERCUS DE VIANA DO CASTELO

Ricardo Jorge Ponte de Matos Carvalhido (Viana do Castelo, 1980) é licenciado em Biologia e Geologia (Universidade do Minho, 2004) e doutorado em Ciências (Especialidade de Geologia) pela Universidade do Minho (2012). Foi bolseiro de doutoramento da Fundação para a Ciência e Tecnologia (2005-2012) tendo-se dedicado ao estudo da evolução paleoambiental quaternária e à deformação neotectónica do Litoral Norte de Portugal.  Desenvolveu também investigação aplicada em geoconservação. É investigador do Centro de Ciências da Terra da Universidade do Minho (2004) e do Instituto de Ciências da Terra, Polo da Universidade do Minho (2014), e docente dos Quadros do Ministério da Educação (2015). Foi Professor Assistente Convidado no Instituto Politécnico de Viana do Castelo (2015-2016).

Dedica-se à investigação em Sedimentologia/Estratigrafia com enfoque nas questões da evolução paleoambiental pós-plistocénica do NO de Portugal, e em Geoconservação. É autor de 9 capítulos de livros, de 15 publicações com arbitragem, de 10 publicações técnicas e foi convidado como orador em 28 encontros científicos.

Tem sido responsável por várias ações de divulgação das geociências ao grande público (Geologia no Verão e Semana da Terra de Viana do Castelo) e por formação de docentes do Ensino Básico e Secundário (6 cursos, 2010). Foi é Coordenador Nacional do Grupo de Trabalho de Geologia Ambiental e Geodiversidade da Quercus e Presidente da Distrital da Quercus de Viana do Castelo. Atualmente é Secretário da Mesa da Assembleia Geral da Associação Portuguesa de Geomorfólogos, tendo sido responsável pela condução científica do processo de classificação dos 13 Monumentos Naturais Locais de Viana do Castelo.  É o Coordenador Científico do Geoparque Litoral de Viana do Castelo.

Susana Bastos Rodrigues

AGA - ASSOCIAÇÃO GEOPARQUE AROUCA

Susana Rodrigues é licenciada em Biologia e Geologia pela Universidade de Aveiro. Atualmente encontra-se a frequentar mestrado, na mesma Universidade, em Ecologia Aplicada. Desde 2013 desenvolve funções de técnica de Biologia e Geologia na Associação Geoparque Arouca.

Vasco Flores Cruz

BIÓLOGO

Vasco Flores Cruz é natural do Vale do Ave e trabalha em conservação e divulgação de biodiversidade. Tem colaborado em várias campanhas nacionais, exposições e projetos de conservação todos eles ligados à conservação das espécies de anfíbios e répteis do nosso país. São várias as participações em livros e revistas de herpetologia e as participações como orador em encontros de fotografia de natureza.

Vera Novais

OBSERVADOR

Vera Novais é comunicadora de ciência. No início contava histórias de ciência aos amigos por diversão, mas quando começou a fazê-lo de uma forma mais profissional percebeu que era mesmo isso que gostava de fazer. Primeiro falava para quem a quisesse ouvir, agora escreve para quem a quiser ler. O ponto de partida é sempre o mesmo: uma enorme curiosidade e uma grande vontade de partilhar aquilo que vai aprendendo. Vera Novais é licenciada em Biologia pela Universidade de Coimbra, mestre em Comunicação de Ciência pela Universidade Nova de Lisboa e, atualmente, jornalista no Observador.”